R. Antônio de Barros, 2391 - São Paulo/SP
(11) 2925-5653
angry-girl

O QUE FAZ UMA CRIANÇA TER UM COMPORTAMENTO DESAFIADOR?

Estamos tão acostumados com conflitos entre pais e filhos, que interpretar tudo como birra, é uma forte tentação. O fato é que existem diversas razões que fazem uma criança chorar, entrar em uma crise de raiva ou se comportar de uma maneira desafiadora. Tensão, ausência de estímulo adequada ou simples necessidade fisiológica: é sobre esses fatores que vamos conversar hoje.

Nem sempre é fácil e obvio identificar as razões dos comportamentos das crianças. Analisar um comportamento somente no momento que ele acontece, pode não nos trazer respostas satisfatórias.

Mesmo sabendo que o funcionamento cerebral de uma criança é diferente do cérebro adulto, muitas vezes, os pais repreendem e insistem para que os filhos tenham um comportamento de um adulto em miniatura. É preciso considerar que seu cérebro está em desenvolvimento e por isso a criança não compreende as coisas da mesma maneira que nós. Ignorar esse fato pode ser a fonte de muitos embates, punições desnecessárias e irritação de muitos pais.

Ao perceber alguma mudança de comportamento no seu filho, avalie:

  1. É UMA BUSCA DE ESTIMULO?

As crianças vão nos mostrando como elas tentam crescer. Cada idade e atitude nos contam se necessitam de mais ou menos estímulos para que isso aconteça. Por exemplo, ao invés de repreendê-la por achar que é perigoso ela falar que vai voar como o homem aranha, entre na brincadeira e proponha movimentos que não a coloquem em risco, mas que supram uma necessidade muito forte das crianças: SE MOVIMENTAR. Oriente suas atividades de maneira que ela encontre os estímulos de que necessita através de um comportamento apropriado.

  1. É UMA NECESSIDADE LEGITIMA NÃO SATISFEITA?

Avalie o contexto geral e considere que as necessidades de uma criança são de ordem biológicas, sociais e afetivas. Fique atento aos seguintes pontos: alimentação saudável, descanso, exercício físico, pertencimento social, atenção, carinho, autonomia, informação, estimulação adequada e expressão criativa. Identifique a necessidade e a satisfaça, na impossibilidade de realizá-la imediatamente, nomeá-la e informar como poderá ser contemplada, ajudam a criança a compreender e satisfazer sua real necessidade.

  1. É UMA DESCARGA DE TENSÃO?

O tempo todo o cérebro das crianças recebe diversos estímulos sensoriais e por não saber o que fazer com todas essas informações, elas vão se acumulando e gerando tensão física ou emocional. As crises de raiva dos pequenos são sua maneira de se acalmar, é quando eles descarregam toda as tensões acumuladas. Para evitar essas crises precisamos orientá-las sobre como selecionar e organizar tudo aquilo que deixa sua cabeça agitada. Quando as crises vierem, acolha o choro e os gritos da criança. Com um abraço, contenha os movimentos desorganizados que podem levá-la a se machucar e ajude-a a entender o que está acontecendo dentro da cabeça dela.

Quando as oposições e crises não forem descarga de tensão ou busca de estimulo, pode ser um comportamento natural da idade dela ou uma reação a uma atitude dos pais. Ordens, proibições mal formuladas e outros direcionamentos inapropriados à idade da criança podem influenciar muito na reação dos pequenos.

Ao perceber que está prestes a se irritar com o seu filho, lembre-se de que na cabeça dele há milhares de informações sendo criadas por segundo. Visualizar o cérebro dele em construção pode te ajudar a não fazer bobagem.

Posts Relacionados

Deixe uma resposta